Estilo Moda Pernambuco - EMP 2019 - Por Aline Fragoso


Estilo Moda Pernambuco
EMP 2019 

Nos dias 25 a 29 de julho a convite da Combogó Comunicação fui conhecer e prestigiar pela primeira vez o evento Estilo Moda Pernambuco #EMP2019 que acontece no Centro de Eventos do Moda Center Santa Cruz e já está em sua quarta edição.

O tema desta quarta edição do evento foi moda 4.0 e contou com mais de 40 desfiles, e com a participação de mais de 70 marcas.
A programação foi voltada para as novas formas de pensar,
produzir e consumir moda a partir da utilização da tecnologia.

Fiquei hospedada no Santa Cruz Charme Hotel #CASADAMODA, junto com cerca de 70 outros influenciadores de Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte.

Foto Reprodução: facebook.com/santacruzcharmhotel

A Casa da Moda é um projeto que faz parte da estratégia de comunicação do maior centro atacadista de confecções do país, que vem, desde a primeira edição do EMP, investindo em marketing de influência para ampliar o alcance e o impacto do evento. Além se ser uma ótima oportunidade para nós influenciadores nos aproximarmos das marcas.

Na programação diurna da #CASADAMODA, houveram visitas às lojas, fábricas e ações de relacionamento e de divulgação das marcas e produtos no próprio hotel, foram dia incríveis. 


Marcaram presença na Casa da Moda as marcas Camboriú, Charme, Joggofi, John Cunningham, Marands, Marands Kids, M. Donnie, Spertos, Sport Company e Yanomami by Sankara entre outras.


O EMP este ano teve em sua programação diurna oito workshops que aconteciam das 14h às 17h30 com temáticas relacionadas ao dia a dia do mundo da moda.

Temas:

  • Branding – Usando a ferramenta BrandKey no planejamento da gestão das marcas;
  • Descomplicando o Marketing – Como se destacar nas redes sociais;
  • Inove e impressione;
  • O Novo Profissional de Moda – A disrupção das relações profissionais com a nova indústria 4.0;
  • Produção de moda;
  • Comportamento de consumo no agora: análise de oportunidades para a construção de produtos inspiradores;
  • Soluções tecnológicas para o comércio de moda: como tornar-se uma empresa omnichannel
  • Inteligência comercial para negócios de moda. 

Já na parte da noite antes dos desfiles o público pôde participar de debates e palestras, além de um talk show com a designer de moda e blogueira brasileira de moda Camila Coutinho, que teve como tema: moda para o agora: canalizando desejos do consumidor e construindo valor para os negócios de moda em tempos digitais.

Nas passarelas pudemos ver um mix de produtos dos segmentos de moda feminina, masculina, infantil, íntima, plus size, esportiva, praia e sleep wear que podem ser encontrados no Moda Center Santa Cruz.  


Fotos: Aline Fragoso

Fotos: Aline Fragoso
As marcas participantes dos desfiles são: AB&C, Abiga, Acqualara, Areia Molhada, Black Jack, Brytch, Camboriú, Charme, Coleção Têxtil, Coletivo Criativo, Flec, Garota Show, Iska Viva, Joelik, Joggofi, John Cunningham, Josh, Koral Mar, Laluka, Magda, Makital, Marands, Marands Kids, Maryb, Mavem, Michelle Lingerie, Nanete Têxtil, Nega Maluca, Neogênese (by Cleber Lima), Onda Blue, Patota D’água, Peixote, Pele Bronzeada, Pietá, Rastro Ativo, Rota do Mar, Scaven, Sereia do Mar, Siri Limão, Spertos, Sport Company, Yanomami by Sankara e Zuzinha Kids.

Após os desfiles pudemos curtir um pouco da programação cultural do evento, na quinta teve os shows de Raphael Moura e Banda Howay, do Recife. Na sexta teve Fábio Xavier e banda Pavio de Candeeiro, de Santa Cruz do Capibaribe. Já no sábado (27) foi a vez de Renato Marinho, que vem de Patos (PB). Para encerrar o evento no domingo  teve o show da banda Os Outros Caras, de Caruaru.

Registrei alguns momentos dos desfiles e  coloquei algumas fotos aqui. Mas depois eu ainda trarei pra você um pouco de cada marca que desfilou, além das que eu tive contato ou recebi algum produto, pra te contar como foi minha experiência, então fique de olho aqui no blog que vem muito conteúdo por ai.

Já conhecia ou ouviu falar do EMP?
Tá ansiosa (o) por mais detalhes das marcas e produtos? Então me conta aqui nos comentários.
Share:

Resenha Linha Umectante Óleo de coco da Bioextratus

Fiz uma umectação nos cabelos durante a noite com óleo de coco extra virgem, deixei a noite inteira.
E  pela manhã para retirar o óleo utilizei o Condicionador de Limpeza Co Wash também da bioextratus, ele promove uma higienização delicada, porque respeita a fisiologia dos cabelos cacheados. Depois faço uma resenha sobre a linha dele aqui.

Mas o assunto hoje é sobre a linha umectante da bioextratus, você já conhece?

A linha Umectante traz todo o poder do óleo de coco em uma mistura única de ingredientes para tratar seus fios de dentro para fora.

Até o momento fiz uso apenas da máscara e do finalizador dessa linha, e estou adorando.



A linha possui em seus ativos:

O COCO Possui um óleo com alta emoliência, que nutre, hidrata, promove brilho e saúde.

AMINOÁCIDOS VEGETAIS Reconstroem o fio de dentro pra fora, uniformizando sua textura.

A máscara é um banho de creme que possui uma fórmula antirressecamento, com alto poder umectante.
Age na fibra capilar de dentro pra fora, conferindo hidratação máxima, nutrição profunda e reparação dos danos.
Como usar? Após lavar os cabelos, aplique o Banho de Creme Umectante, massageando mecha a mecha.
Deixe agir por 2 minutos. Enxágue. A máscara possui opções de Potes de 90g, 250g, 500g e 1kg

E esse finalizador maravilhoso? Ele protege, nutre e hidrata.
Protege das agressões externas como sol, vento, calor de secador, chapinha e outros.
Como usar? Aplique nos cabelos úmidos e distribua ao longo dos fios, principalmente nas regiões mais danificadas.
Não enxágue. Penteie normalmente e seque como de costume, natural ou com secador, o que preferir.

O bom é que toda a linha é Zero% petrolatos e parabenos.
Com exceção do shampoo, todos os outros itens são liberados para a técnica low poo.
É uma linha vegana! O que significa? Toda a linha é livre de derivados de animais.

É uma linha indicada para todos os tipos de cabelos, o cabelo estando desidratado, vai se beneficiar da ação do produto.

O resultado? Cabelos nutridos, saudáveis e brilhantes.





E você já usou essa linha? Ou já ouviu falar?
O que achou do meu cabelo!
Instagram: @alline.fragoso
Facebook: https://facebook.com/fragosoalline

#cabelodivo #bioextratus#bioextratusRecife#cabeloscacheados #meuscachos#cacheando #cachosbelo
Share:

Liso x Cacheado - O que vale é se sentir bem! - Por Aline Fragoso - Jaboatão PE

Liso x cacheado

 Se livrar dos alisamentos e progressivas é mais que uma modinha, é questão de escolha mesmo.

Mas lembre-se: não é uma obrigação você fazer só porque todo mundo está fazendo. Assim como você não deve se sentir obrigada a permanecer em transição caso não consiga se adaptar, você é livre para fazer o que bem entender com seu cabelo.

Se tiver vontade fazer uma escovinha/chapinha pra determinadas ocasiões não há problema nenhum nisso o cabelo é seu lembra? Você pode e deve usar ele da forma que se sentir mais confortável, liso, ondulado, cacheado, com volume, sem volume.

Não é a primeira vez que volto a usar meu cabelo cacheado, porém desta vez essa fase está durando mais tempo, minha maior preocupação era como seria na hora de sair, como iria me arrumar? O que faria no meu cabelo? Como ele ficaria quando secasse?

É muito bom o fato de não ficar refém de escova/chapinha e poder me arrumar em casa (do meu jeito), sem passar horas no salão, ou tentar uma vaga pra ajeitar cabelo e tal e no final estar me sentido bem do jeito.

Sempre que eu viajava levava secador e chapinha, passava horas no banheiro escovando e passando chapinha pra ir jantar a noite depois de uma dia de passeio, praia ou piscina.

Tomar um banho de praia ou piscina sem se preocupar em molhar o cabelo é libertador! Estou adorando essa fase do meu cabelo, dá uma certo trabalho, e quando não estou afim de arrumar ou estou cansada, eu amarro mesmo e deixo ele ali quietinho rs rs.

Essa é minha fase de transição que estou vivendo com os meus cabelos, talvez depois eu resolva voltar a alisar e tal, sei lá o dia de amanhã, não gosto de me limitar e definir, somos humanos e estamos em constantes mudanças, inclusive de opinião.

Por que afinal de contas isso é liberdade pra ser você, poder ter várias versões, várias fases e mudar sempre que der vontade.

Vim aqui apenas pra compartilhar com você um pouco da minha experiência com os meus cabelos nessa fase.

E você? Me conta aqui!
Já fez alguma mudança nos cabelos, está passando por transição? Me conta suas experiências com cabelo também.
Share: